Você conhece o Poliuretano e onde ele é usado? - Hausthene
0

Você conhece o Poliuretano e onde ele é usado?

Polímero é amplamente usado na indústria e Hausthene tem papel-chave na produção aqui no Brasil

Pertencente a um grupo específico de plásticos, o poliuretano é um polímero que possui características bem específicas e aplicações em diversos segmentos, por isso, pode ser encontrado na indústria em grande escala.

Na grande maioria das vezes, esse material pode ser encontrado em formatos sólidos, e também é muito utilizado como “espuma”. No entanto, ele é considerado bem versátil e apresenta muita flexibilidade, resistência e pode ter diversas apresentações diferentes.

De onde veio o poliuretano?

Historicamente, a molécula de poliuretano foi desenvolvida pelo Prof. Dr. Otto BAYER (1902 – 1982), no início dos anos 40, com o objetivo específico de substituir a borracha por um elastômero. Mas, com o tempo, descobrimos a versatilidade deste novo polímero orgânico, que pode ter uma infinidade de aplicações em diversos processos industriais.

O desenvolvimento do poliuretano no mercado comercial começou na Alemanha, no final da década de 1930, com a produção de espumas mais rígidas, adesivos e tintas.

Depois disso, a indústria passou a utilizar o poliuretano em muitas aplicações, investindo em mais estudos para conhecer e aprimorar as diversidades dos produtos e suas possibilidades.

Mas foi nos anos 50 que a produção do poliuretano assumiu uma escala industrial sendo acrescida de aditivos de performance e corantes, aplicado nas indústrias de elastômeros, adesivos, coatings, espumas rígidas e flexíveis, com destaque na indústria de refrigeração, colchões e automotiva.

As formulações, aditivações e técnicas de processamento estão em constante evolução desde então, onde o poliuretano marca presença   em diversos produtos da nossa vida, como: cadeiras, colchões, sapatos, tênis em geral, isolação térmica, nos automóveis, em tintas, vestuário, peças técnicas, bem como, no sistema de amarração offshore das plataformas de petróleo, que, na verdade, foi onde tudo começou.

Qual é a matéria-prima bruta do Poliuretano?

A indústria de base do poliuretano é a petroleira e o óleo cru é a matéria-prima bruta utilizada para iniciar o processo de toda a cadeia produtiva do mesmo, ou seja, do poço para a estação primária de processamento (separador trifásico óleo-gás-água), no caso do Brasil temos esse processo executado em uma unidade flutuante chamada FPSO (pré-sal).

O óleo cru isento dos resíduos de gás natural e de água, é transferido para uma refinaria, onde sofre uma operação unitária chamada destilação fracionada multicomponente em duas colunas de destilação distintas, a pressão atmosférica e a vácuo, onde obtemos a NAFTA, considerada uma espécie de “irmã gêmea” da gasolina.

Qual é o papel da indústria petroquímica na produção do poliuretano?

Da refinaria, a NAFTA é transferida como uma matéria-prima processada para uma indústria petroquímica (no Brasil temos a Braskem), também chamada de petroquímica de primeira geração, onde obtemos os três componentes básicos: metano, etano e propano.

Neste ponto, podemos fazer uma analogia da química orgânica com o brinquedo LEGO, onde as moléculas são arranjadas de modo a se obter a matéria-prima intermediária desejada.

A partir daí, esses produtos básicos são encaminhados para a indústria petroquímica de segunda geração, onde temos a produção dos reagentes básicos para a produção do poliuretano que são os poliois e isocianatos (matérias-primas diretas).

Também temos os produtos auxiliares, como os agentes de cura, corantes e aditivos de performance. Com todos esses produtos acrescentando valor à cadeia produtiva do poliuretano e, com isso, enriquecendo muito as possibilidades de novas aplicações na indústria como vimos anteriormente.

Qual é a mágica da produção do poliuretano Hausthene a partir das matérias-primas diretas?

A produção de poliuretano no Brasil passa muito pela P&D da Hausthene, no seu laboratório próprio, em conjunto com universidades como a USP de São Carlos, em equipamentos de produção contínua de última geração.

Por lá temos equipes motivadas e em constante treinamento, contatos assíduos com fornecedores na Europa e EUA, que fazem parte da cuidadosa produção de peças de poliuretano de alta performance (linhas Vulkollan e Theneplás), na utilização de pré-polimeros que utilizam CO? como matéria-prima (projeto Carbon4PUR).

Também passa por parcerias bem sucedidas para projetos de alta performance, com destaque para o Pré-Sal. Temos outros projetos sistemáticos e bem sucedidos, isto na opinião de muitos players de grande porte, dos segmentos de O&G offshore, indústria aeronáutica, automotiva, alimentos dentre outras.

Qual a visão da Hausthene para o futuro?

A nossa visão está voltada para a ativa participação no atual momento de transição energética, fornecendo soluções customizadas para os sistemas de amarração offshore O&G.

Também está na indústria do gás natural, com os PIGs, inspeção e limpeza dos gasodutos, e prevendo o fornecimento de sistemas de amarração para as futuras linhas de geração de energia eólica offshore, no nordeste brasileiro, participando ativamente na geração de energia sustentável para as futuras gerações.

Fale conosco

@ Envie um e-mail

Para entrar em contato com nossa equipe de forma rápida, pode nos enviar diretamente um email.

Ligue para nós

Se preferir conversar conosco, pode nos ligar sempre que precisar. Estamos prontos para lhe atender!

Preencha o formulário

Informe suas necessidades ou envie seu projeto e retornaremos seu contato o mais breve possível.